Total de visualizações de página

domingo, 9 de setembro de 2012

MENSÁRIO BOTAFOGUENSE: FEVEREIRO DE 1951


01
Em virtude da não classificação do Botafogo para o Torneio Rio-São Paulo, o técnico Carvalho Leite propôs ao presidente Carlito Rocha que fossem concedidas férias aos jogadores.

Foi acertada a volta ao Botafogo de Gerson dos Santos, que se encontrava no futebol colombiano.

16
O Botafogo embarcou na madrugada deste dia para Santiago (Chile), em um dos quadrimotores da frota transandina da Panair do Brasil, convidado que foi para disputar um torneio quadrangular.
Na chefia da delegação seguiu o próprio presidente do clube, Carlos Martins da Rocha, Carlito. Os demais membros da delegação foram os seguintes: Técnico e Médico – Carvalho Leite; Roupeiro – Aloísio Araújo; Jogadores – Oswaldo Baliza, Gilson, Basso, Gerson dos Santos, Nilton Santos, Rubinho, Ávila, Juvenal, Carlito, Araty, Paraguaio, Geninho, Ariosto, Neca, Braguinha, Pirilo, Vinícius, Zezinho e Reynaldo.
Octávio não viajou, pois pediu dispensa, o que lhe foi recusado pela diretoria do Botafogo. Octávio, entretanto, não retrocedeu e negou-se a acompanhar a delegação, o que demonstra o seu firme propósito de abandonar mesmo o futebol.

18
Em sua estréia, no Estádio Nacional de Santiago, o Botafogo foi derrotado pelo Colo Colo, do Chile, por 3 x 1.
Foi árbitro da partida o inglês William Crawford e os dois quadros entraram em campo com a seguinte organização:
BOTAFOGO: Oswaldo Baliza, Basso e Nilton Santos; Rubinho, Ávila e Juvenal; Paraguaio, Neca, Vinícius, Geninho e Zezinho. Técnico: Carvalho Leite.
COLO COLO: Escuti, Farias e Campos; Machuca, Vallejo e Muñoz; Arias, Cremaschi, Aranda, Candia e Castro.
Os locais conseguiram vantagem logo aos quatro minutos, quando Cremaschi recebeu um centro da direita e atirou imediatamente, de esquerda, num chute alto e enviesado.
O Botafogo mostrou-se inseguro nos primeiros momentos mas logo harmonizou suas linhas e passou a chegar constantemente até a meta do Colo Colo.
Aos 26 minutos, o mesmo Cremaschi avanço velozmente, burlou os dois zagueiros do Botafogo e passou a Arias que, de cabeça, marcou o segundo tento chileno.
Aos 32 minutos, Neca recebeu um centro de Paraguaio e emendou no ar, em violento tiro de meia altura, marcando o primeiro e único tento do Botafogo.
No segundo tempo, Zezinho e Juvenal excelentes oportunidades de marcar.
O terceiro gol do Colo Colo foi marcado aos 33 minutos, por Aranda, depois de fintar Ávila, e com um tiro baixo e cruzado.

No outro jogo válido pelo torneio, Nacional, de Montevidéu (Uruguai) e Santiago Morning, do Chile, empataram em 2 x 2.

20
O Botafogo remeteu à Federação Metropolitana de Futebol os contratos dos profissionais Neca, Gerson dos Santos, Pirilo e Geninho para o devido registro de renovação.

21
O Botafogo voltou a campo a fim de disputar a sua segunda partida pelo torneio de Santiago. Foi seu rival o Nacional, campeão do Uruguai, que saiu vencedor pelo placar de 3 x 1.
Ao terminar o primeiro tempo, vencia o Nacional 2 x 0.
Momentos antes de terminar o jogo, registrou-se um incidente entre Ávila e José Garcia, sendo ambos expulsos do gramado pelo árbitro inglês William Crawford.
O gol do Botafogo foi marcado por Zezinho, aos 39 minutos do segundo tempo. Marcaram os gols do Nacional Enrico (2) e José Garcia.
O Botafogo formou com Oswaldo Baliza, Gerson dos Santos e Nilton Santos; Rubinho, Ávila e Juvenal; Paraguaio, Neca, Vinícius, Geninho e Zezinho. Já o Nacional alinhou Penalva, Santamaria e Durán; Roldán, Gómez e Varela; Ambrois, Júlio Pérez, Fizel, José Garcia e Enrico: Técnico: Enrique Fernández.

25
Em sua terceira apresentação no Torneio Quadrangular Internacional de Santiago, o Botafogo conseguiu sua primeira vitória: 3 x 0 sobre o Santiago Morning. Marcaram os gols Zezinho, duas vezes, e Vinícius.
Formou o Botafogo com Oswaldo Baliza, Gerson dos Santos e Nilton Santos; Rubinho, Ávila e Ariosto; Paraguaio, Neca, Vinícius, Geninho e Zezinho.
O Santiago Morning jogou com  Exposito, Brill e Wirth; Fernandez, Menezes e Zamora; De Luga, Hormazabal, Aguillera, Garcia e Díaz.
Após esse resultado, o Botafogo ficou em terceiro lugar no torneio.

28
Antes de retornar ao Brasil, o Botafogo disputou um amistoso em Viña del Mar, no Chile, contra o Everton local. Resultado final: empate em 2 x 2. Neca e Ariosto marcaram para o Botafogo e Meléndez e Guillermo Díaz assinalaram os gols chilenos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário