Total de visualizações de página

domingo, 25 de abril de 2010

OS TÍTULOS DO BOTAFOGO (1)

TORNEIO QUADRANGULAR INTERESTADUAL DE 1954

O Estádio do Maracanã foi inaugurado no dia 16 de junho de 1950, com um jogo que reuniu as seleções de novos da Guanabara e de São Paulo.
Somente quatro anos depois, o Botafogo viria a conquistar seu primeiro título no “maior estádio do mundo”.
Também seria o primeiro título de campeão do maior ponteiro-direito de todos os tempos, Garrincha.
Além do Botafogo, disputaram o torneio quadrangular interestadual as equipes do Fluminense, do Rio de Janeiro, Palmeiras, de São Paulo, e Internacional, de Porto Alegre (RS).
O torneio teve início no dia 17 de abril, quando o Botafogo venceu o Palmeiras, pelo placar de 4 x 3. Eis a ficha técnica desse jogo:
BOTAFOGO 4 x 3 PALMEIRAS
Data: 17.04.1954
Local: Maracanã, Rio de Janeiro
Árbitro: Eunápio Gouveia de Queiroz
Renda: Cr$ 172.222,30
Gols: Jayme, 12; Liminha, 20; Berto, 43; Dino da Costa, 65; Jayme, 67; Dino da Costa, 88 e Otávio, 89.
BOTAFOGO: Gílson (Amaury), Araty, Thomé (Orlando Maia) e Floriano; Bob e Ruarinho; Garrincha, Moacyr Vinhas (Paulinho), Dino da Costa, Jayme e Vinícius. Técnico: Gentil Cardoso.
PALMEIRAS: Cavani, Rubens e Juvenal; Waldemar Fiúme (Gérsio), Sarno e Dema (Manoelito); Nei, Liminha, Berto (Otávio), Jair Rosa Pinto e Moacir. Técnico: Cláudio Cardoso.
Fontes: Diário de Notícias e Almanaque do Palmeiras.

No dia seguinte (18), o Fluminense ganhou do Internacional, por 2 x 1, com gols de Telê e Waldo. Canhotinho marcou o gol gaúcho.

O torneio prosseguiu em 21 de abril, quando aconteceu empate em 2 x 2 entre Botafogo e Internacional.
Eis o resumo do jogo:
BOTAFOGO 2 x 2 INTERNACIONAL
Data: 21.04.1954
Local: Maracanã, Rio de Janeiro
Árbitro: Alberto da Gama Malcher
Renda: Cr$ 229.925,20
Gols: Canhotinho, 10; Dino da Costa, 28; Bodinho, 32 e Dino da Costa, 38.
BOTAFOGO: Amaury, Araty, Orlando Maia e Floriano; Bob e Juvenal; Garrincha, Paulinho, Dino da Costa, Jayme e Vinícius (Neyvaldo). Técnico: Gentil Cardoso
INTERNACIONAL: La Paz, Mossoró, Florindo e Oreco; Nélson Adams e Odorico; Sólis, Aírton, Bodinho, Jerônimo e Canhotinho.
Fontes: Diário de Notícias e Jornal do Brasil.

No dia 25 de abril aconteceu o jogo que decidiu o torneio, entre Botafogo e Fluminense.
Mesmo sofrendo um gol muito rápido, através de Waldo, o Botafogo reagiu e virou o marcador para 3 x 1, conquistando o título. Eis a resenha da partida:
BOTAFOGO 3 x 1 FLUMINENSE
Data: 25.04.1954
Local: Maracanã, Rio de Janeiro
Renda: Cr$ 251.189,10
Público: 16.803
Árbitro: Alberto da Gama Malcher
Gols: Waldo, 4; Dino da Costa, 60; Garrincha (de pênalti), 62 e Dino da Costa, 68.
BOTAFOGO: Amaury, Thomé (Araty) e Floriano; Orlando Maia, Bob e Ruarinho; Garrincha, Paulinho, Dino da Costa, Carlyle e Vinícius. Técnico: Gentil Cardoso.
FLUMINENSE: Adalberto, Píndaro e Duque; Jair Santana, Édson e Bigode; Telê, João Carlos, Waldo, Róbson e Esquerdinha. Técnico: Francisco de Souza Ferreira “Gradim”.
Fontes: Diário de Notícias e O Jornal.

Mesmo com o título decidido a favor do Botafogo, ainda houve o jogo Fluminense e Palmeiras, nas Laranjeiras, no dia 28 de abril. Vitória do Fluminense por 2 x 1. João Carlos e Waldo marcaram para o tricolor carioca, descontando Jair Rosa Pinto.
O último jogo do torneio, Palmeiras x Internacional, previsto para o dia 1º de maio, no Pacaembu, não foi realizado, após acordo entre as duas equipes, eis que o torneio já estava decidido a favor do Botafogo.

Colaboração de Pedro Alves Varanda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário